wrapper

DakarOs vereadores de Várzea Grande, aprovaram por 16 votos favoráveis, na sessão da última quinta-feira (28.02), uma Moção de Repúdio à empresa Energisa, concessionária responsável pela operação e distribuição de energia no Estado.

O autor da Moção, o vereador Rogério França Martins, Rogerinho da Dakar (PV), cobra qualidade na prestação de serviço e uma justificativa para a cobrança de energia, classificada por ele, como “abusiva”. Além disso, Dakar cobra a limpeza e a construção de calçadas na área do linhão da energia, localizada no bairro Costa Verde, em Várzea Grande.

Durante a sessão, Rogerinho contou que desde o início vem se reunindo com a população que denuncia o mau atendimento. Ele também vem buscando soluções junto ao Ministério Público Estadual (MPE) e Prefeitura de Várzea Grande.

“Já tenho um abaixo-assinado, são três pastas contendo assinaturas com o número de unidades consumidora de cada um. Tenho solicitado através do secretário Breno, que nos vem atendendo para intimar a Energisa. Ela foi intimada várias vezes. Fui orientado também pela promotora de Justiça do MPE, Maria Fernanda, a pegar a quantidade de notificações, para que eles (MPE) também possam tomar as providências”, pontuou.

Outro parlamentar a se manifestar favorável foi o líder a prefeita Lucimar Sacre de Campos (DEM), Pedro Paulo Talares, o Pedrinho (DEM). Tolares relatou na Tribuna da Casa, que a empresa entrou com pedido de bloqueio das contas do Departamento de Água e Esgoto (DAE) do município, por inadimplência dos gestores anteriores.

“Os gestores anteriores não pagaram a conta junto a administradora de energia, em virtude disso, a Energisa moveu ação contra o município, aonde a dona Lucimar paga rigorosamente em torno de R$ 800 mil, desde o seu primeiro. Mas diante dos restos anteriores, a Concessionária bloqueou o dinheiro do DAE, o orçamento da Autarquia mal se dá para se manter, então a Energisa desconsiderou as obrigações emergencial que o DAE tem de levar água em bairros onde não tem água”, reclamou o democrata.

Da: Assessoria

banner prefeitura 2018

selo 150

visite site 2